Alerj promove mês de conscientização sobre o meio ambiente


Em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, instituído em 5 de junho pela Organização das Nações Unidas (ONU) há 50 anos, a Comissão de Meio Ambiente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) promove, em parceria com a Subdiretoria-Geral de Cultura, um mês de conscientização da população.

O ponto de partida será nesta segunda-feira (5), a partir das 10h. As pessoas que passarem pelas escadarias do Palácio Tiradentes, sede histórica da Alerj situada na Praça XV, poderão trocar tampinhas plásticas por mudas de árvores nativas da Mata Atlântica, em ação realizada em parceria com o Instituto Estadual do Ambiente (Inea). As tampas arrecadadas serão doadas para a organização não governamental (ONG) One by One, que recicla resíduos plásticos e os troca por cadeiras de rodas para doação.

O presidente da Comissão de Meio Ambiente, deputado Jorge Felippe Neto (Avante-RJ), disse que a cada 3 mil tampinhas de plástico coletadas, a ONG troca por cadeiras de rodas. “A gente vai estimular isso com a distribuição de mudas de árvores no centro da cidade, aqui na porta da Assembleia”.

Para estender a campanha durante todo o mês de junho, recipientes de coleta de tampinhas serão instalados na sede atual da Alerj, na Rua da Ajuda, 5, e no Palácio Tiradentes, entre os dias 5 e 30 deste mês. Serão aceitas tampinhas de garrafas PET e de embalagens de amaciantes e sabões líquidos.

Educação

O Dia Mundial do Meio Ambiente é considerado uma das maiores plataformas globais para sensibilização ambiental. Este ano, o tema escolhido pela ONU para marcar a data é #CombataAPoluiçãoPlástica. Jorge Felippe Neto afirmou ser fundamental a adesão da população à campanha. “A gente tem uma data, que se consolida historicamente, de todos os movimentos ambientalistas se mobilizarem. É fundamental. O meio ambiente consagra uma causa que cresceu muito ao longo das últimas duas décadas e a Alerj, por meio da Comissão de Meio Ambiente, vai manter essa data forte’.

São esperados milhares de eventos e atividades em todo o mundo para comemorar o Dia Mundial do Meio Ambiente. O deputado Jorge Felippe Neto defendeu que a educação ambiental seja ensinada às crianças desde cedo. Afirmou que o próprio governo fluminense tem projetos nesse sentido, como o Ambiente Jovem, por exemplo, desenvolvido pela Secretaria de Estado de Ambiente, que já treinou mais de 5 mil jovens em reciclagem e educação ambiental.

A associação One by One atende crianças portadoras de deficiência física, motora ou neurológica e em situação de vulnerabilidade social. Segundo seus idealizadores, 20 mil quilos de plástico e alumínio são reciclados por ano por meio da iniciativa. Cerca de 1.850 cadeiras já foram doadas.



EBC

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *