Megaestrutura e mau tempo esperam público para show em Copacabana


Os 100 anos do hotel Copacabana Palace serão celebrados na noite deste sábado (26) com um show que contará com uma estrutura semelhante à do Réveillon da praia mais famosa do Rio de Janeiro. A expectativa da prefeitura e dos organizadores é de mais de 1 milhão de pessoas compareçam à apresentação gratuita do DJ Alok em frente ao hotel, mas a chuva e o frio registrados durante todo o dia na cidade podem reduzir esse número.

O evento está marcado para acontecer a partir das 18h e foi batizado de Show do Século, em referência ao centenário do hotel, que foi inaugurado em 13 de agosto de 1923.

A megaoperação preparada pela prefeitura contará com mais de 2 mil agentes de ordenamento urbano, fiscalização, assistência social e limpeza, “em um planejamento semelhante ao realizado anualmente para a festa do réveillon”, compara a administração municipal.

Após uma semana de calor fora de época, o Rio de Janeiro teve uma queda drástica de temperatura neste sábado. A previsão é de que a chuva fraca a moderada que começou nas primeiras horas da manhã de hoje continue até amanhã, e a temperatura mínima prevista para a cidade era de 16 graus Celsius (°C), com máxima de 24 °C. Há expectativa também de vento moderado a forte, o que pode aumentar a sensação de frio na areia da praia, onde o palco foi montado.

Trânsito

Por conta da grande movimentação esperada, o bairro de Copacabana terá vias interditadas até 1h de domingo (27). A Avenida Atlântica ficará fechada nos dois sentidos, da Avenida Princesa Isabel à Rua Francisco Otaviano, e todas as transversais do bairro ficarão fechadas entre a Nossa Senhora de Copacabana e a Avenida Atlântica.

A forma recomendada para chegar e sair do show é o metrô. A concessionária MetrôRio estenderá o horário de funcionamento das estações Cardeal Arcoverde/Copacabana, Siqueira Campos/Copacabana e Cantagalo/Copacabana até 1h da manhã. As demais estações ficarão abertas após a meia-noite apenas para desembarque do público do show.

O evento promete reunir recursos tecnológicos no palco, incluindo um show de luzes, drones e uma imensa pirâmide de LED. Baterias de escolas de samba do Rio de Janeiro também devem se apresentar, além de outras atrações que têm sido mantidas em sigilo.

O esquema de segurança para o público vai mobilizar 1,2 mil policiais militares ao longo do fim de semana. A Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop) e a Guarda Municipal do Rio (GM-Rio) também vão atuar em ações de ordenamento, fiscalização de ambulantes e no ordenamento do trânsito no entorno do evento. Cerca de 700 agentes foram escalados para trabalhar entre sexta e domingo em Copacabana.



EBC

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *