CCBB de SP apresenta retrospectiva inédita do cineasta Geraldo Sarno


“O sertão é o meu centro”. Foi assim que o cineasta baiano Geraldo Sarno (1938-2022) certa vez definiu o seu trabalho em uma entrevista ao site Papo de Cinema. Um dos mais respeitados diretores e roteiristas do país, Sarno ganha agora uma retrospectiva inédita de seu trabalho no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), em São Paulo.

Gratuita, a retrospectiva teve início neste sábado (17) e segue até o dia 9 de julho exibindo quase toda a filmografia do diretor, que sempre trabalhou muito com temas como o sertão, a religiosidade popular, a literatura de cordel, o cangaço e a migração.

São Paulo (SP) - CCBB de SP apresenta retrospectiva inédita do cineasta Geraldo Sarno. - LAÔ -  Foto: CCBB/Divulgação

Iaô, do cineasta Geraldo Sarno, na retrospectiva do CCBB – Foto CCBB/Divulgação

A mostra vai exibir 26 filmes do cineasta entre longas, médias e curtas-metragens, tanto ficcionais quanto documentais. Entre eles, o seu último trabalho, o premiadíssimo Sertânia, filme que projeta a mente febril e delirante de Antão. Também será exibido Viramundo, que mostra a chegada de nordestinos à cidade de São Paulo; Casa Grande e Senzala, baseado no livro de mesmo nome de Gilberto Freyre; e Eu Carrego o Sertão Dentro de Mim, com narração baseada em texto do escritor João Guimarães Rosa.

A retrospectiva ainda inclui duas novas digitalizações de filmes que tiveram escassas exibições nas últimas décadas como Iaô e Plantar nas Estrelas.

Além da exibição dos filmes, a mostra vai realizar duas mesas de debates presenciais para refletir sobre a obra do cineasta. Outras informações sobre os filmes que serão exibidos e os dias de exibição podem ser consultados no site do CCBB.

A mostra tem curadoria de Ewerton Belico e Leonardo Amaral.



EBC

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *